domingo, 20 de junho de 2010

Enquanto isso, durante o jogo do Brasil...

Mari já estava a postos no sofá de sua casa: camisa da seleção, vuvuzela na mão. Renato, ao seu lado, camiseta azul básica, não a entendia. Todas as mulheres do mundo queriam um namorado que não gostasse de futebol, mas Mari reclamava justamente que Renato não dava bola para seu esporte favorito.

O jogo começa. Mari vibra, Renato boceja. Mari chinga, Renato ri. Mari grita “IMPEDIDO!” e Renato pergunta “Quê?”.

Renato começa a considerar torcer pelo time adversário, só para irritar Mari. Na menor menção de vibrar pelo time, Mari olha feio para ele que, já que não é idiota, resolve ficar calado.

Renato decide, então, ler um livro enquanto Mari assiste ao jogo.

- Renato, você está me irritando com esse livro!

- Mas o que eu fiz?

- O barulho das páginas! Está me irritando!

- Desculpe...

Renato decide, então, sair da sala.

- Renato, para onde você vai?

- Vou tirar uma soneca...

- Você FICA! Tá me dando sorte...

Renato, resignado, senta-se novamente no sofá.

Mari pede que Renato faça pipoca. Renato, obedece.

Da cozinha, olha para sua amada chingando e vibrando pelo time e pensa:

“Ah... Esse é o meu homem!”

3 comentários:

Luciana disse...

hahhahaha...
gosto muito do seu blog...

isso aconteceu muito comigo... meus namorados nao gostam de futebol...
hahahahaha

Carola disse...

SHAUHSUAHSHUAH eu ri!!
Eu fui o homem da relação quando namorei e tendo a ser o homem em qualquer relacionamento efêmero que tenha esporadicamente hahaha =P

e eu não gosto de futebol. XD

Amy disse...

Adorei! hahahaha

 
BlogBlogs.Com.Br